31.08.2019

11.01.2019

Please reload

Posts Recentes

Os rostos habitados - Pedro Sadio fotógrafa para a Buzico! Actores

18.10.2019

1/3
Please reload

Posts Em Destaque

"A Bela e o Monstro" estreia amanhã com actores da Buzico! Actores

Em 1740 é publicada a primeira versão da fábula La Belle et le Bête, da escritora francesa Gabrielle-Suzanne Bardot. Rápido, torna-se num texto emblemático e com uma extraordinária e muito rara difusão para a época e que nunca mais cessou, pois são incontáveis as adaptações de que já foi alvo, inclusive para cinema e para teatro musical.

O cariz intemporal do texto, versando as dicotomias do Bem e do Mal e do Belo e do Feio (e mesmo do Horrendo), tematiza o quanto o raso da aparência é raiz, entre muitas outras, do cruel jogo social da inclusão e da exclusão, assunto por demais actual, ainda que pelas piores razões. Todavia, a obra encontra o seu vértice cimeiro na exortação do poder benfazejo do Amor que, maior do que tudo, olha apenas ao coração, sede do resgate e redenção do Homem face à sua própria condição e verdadeiro significante do sentido mais alto do Belo. 

 

É este texto sem idade que João Ascenso adapta e encena a convite da Byfurcação Teatro e cujo espectáculo estreia já amanhã dia 3 de Agosto (21h30) na Quinta da Ribafria, em Sintra. Função teatral que comporta na sua feitura e na sua fruição o cumprimento literal da sua fisicalidade num itinerário paralelo e simultaneamente convergente, dispositivo  narrativo aliás caro quer à produtora, quer ao actor-encenador aqui em apreço. Mas outros dois actores que a Buzico! Actores agencia participam neste projecto de muitos: Patrícia Duarte e Ricardo Lérias, ambos na qualidade de intérpretes. 

 

Regozijo a triplicar por parte da Buzico! Actores que marcará presença na estreia de amanhã, seguindo a rigor as indicações prescritas: levar agasalho e calçado cómodo!

 

A tradição mantém-se e por isso esta deseja aos três actores e aos demais envolvidos no espectáculo MM. Todos sabemos afinal do que se trata, mas manda a boa educação que não se escreva o que é para ser dito; e daí o irmos dizer-lhes pessoalmente... ao ouvido!

 

Apareçam também vocês!

 

 

Luís de Macedo escreve de acordo com a antiga ortografia.

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload