You see

things;

"you say why!"

but i dream things that never were

and i say

"why not?"

bernard shaw

CANÇÕES DE INTERVENÇÃO

CELEBRAR CARLOS PAREDES

Mariana foi convidada pelo Director Rui Vieira Nery do Programa Gulbenkian de Língua e Cultura Portuguesas, para criar um novo recital com repertório de Canções de Intervenção, especialmente encomendado para o aniversário da Fundação Calouste Gulbenkian (60 anos/Programa Jardim de Verão).

O espectáculo apresentado, agora em digressão, com direcção artística de Mariana Abrunheiro não pretende ser um documento histórico, porém, foi estruturado para ser uma breve viagem. No concerto são projectadas algumas imagens, fotografias de Carlos Gil e Eduardo Gageiro, dois dos olhares que melhor retrataram este período da história recente do país e o percurso desenhado durante este recital de voz e piano, pretende passar pelos pólos/lugares mais representativos da criação deste repertório musical e poético específico, sobretudo, Portugal (Coimbra / Lisboa), França (Paris) e África (Angola / Moçambique). O Património musical aborda composições musicais de Fernando Lopes-Graça, José Afonso, Carlos Paredes, José Mário Branco, Fausto Bordalo Dias, Sérgio Godinho (entre outros) e foram criados novos arranjos sendo a direcção musical conjunta de Mariana Abrunheiro e Ruben Alves, pianista, arranjador e parceiro musical da cantora desde 2005.

FICHA TÉCNICA

Direcção Artísticas: Mariana Abrunheiro

Direcção Musical: Mariana Abrunheiro e Rubem Alves

Voz: Mariana Abrunheiro

Piano: Ruben Alves

Desenho de Luz: Paulo Varges

Desenho de Som: António José Martins

Director de Produção: Ruy Malheiro

Assistente de Produção: André de La Rua

Produção em Digressão: Buzico! Produções Artísticas

outros espectáculos!

ESPECTÁCULO DISPONÍVEL PARA DIGRESSÃO.

PARA MAIS INFO

CLIQUE AQUI.